VIVENDO NO MOMENTO DO AGORA
Mensagem da Deusa da Criação canalizada por Shelly Dressel,
3 de Abril de 2011

 

O foco desta canalização tem a ver com viver no momento do agora. Ela dá-nos a oportunidade de vermos as nossas vidas tal como elas são neste momento, mas com a influência do passado e do futuro. Se alguém estiver a viver a sua vida e sente como se houvesse uma falta ou como se as coisas não se tivessem manifestado, isso pode ser devido a algo que vos esteja a amarrar ao passado. Assim, a Deusa levou-nos para trás com a intenção de o libertarmos. Uma vez libertado, pudemos sentir como isso mudou a nossa presença nesse momento. Ela também tinha algo a dizer-nos então. Que parte do conselho haveríeis vós querido?

Quantas vezes estão as pessoas a viver num estado de expectativa ou de espera? Há muitas vezes em que colocam as suas vidas em espera até que tenham manifestado algo ou conhecido alguém ou terminado um trabalho. Se mudardes a vossa atenção para onde estais agora, podeis escolher uma direcção que vos leve onde quereis estar. A Deusa também nos perguntou se havia uma mensagem do nosso eu futuro para nos ajudar neste momento.  De lá tudo foi fundido para o que somos neste exacto momento!

Shelly


Nama sika; venia benya Eu Sou Um, Eu Sou o todo

Eu vos saúdo, amada família. Feliz aniversário! Feliz dia de alegria e celebração que estais a ter porque é, como Shelly referiu antecipadamente, o oitavo aniversário das nossas reuniões como grupo em que temos realizado estas canalizações e elas têm sido partilhadas com o mundo.

Há muita coisa que ponderei falar convosco, partilhar convosco esta noite porque aconteceu muita coisa não apenas desde a primeira vez em que nos reunimos, mas há muito mais a acontecer no vosso mundo enquanto nós falamos.

Neste ano de 2011, faz na verdade quase 10 anos que eu comecei primeiro a criar uma conexão com a Shelly e ela me começou a canalizar. Nessa altura, estas energias vibratórias superiores eram bastante novas para a Terra. Era ainda um desafio para as pessoas expandirem-se, viverem e trabalharem em energias para lá da quarta dimensão. Algumas estavam já a fazê-lo, muito conscientes das energias e trabalhavam com elas; mas nós estamos a falar da população em geral e da facilidade com que as coisas acontecem agora neste momento.

Ao longo dos anos, de uma certa maneira tem sido um processo muito gradual e, de outra maneira, haveis dado saltos e atravessado barreiras que vos trouxeram para onde estais agora.

Para todos os que estão a ouvir, não importa onde estais no vosso processo. O que importa é o que estais a escolher agora, neste momento, partilhar o tempo não apenas comigo, mas com todos os que vêm aqui para se reunirem neste momento.

A Humanidade tem a ver com comunidade de almas. Tem a ver com a energia que é criada não somente pelo indivíduo, mas pelos grupos de pessoas. Tem a ver com a consciência colectiva da Terra. Tem a ver, ainda, com a facilidade com a qual podeis escolher estar completamente dentro do vosso próprio eu ou como uma parte de todo o conjunto.

Enquanto viveis a vossa vida, trata-se de viverdes no momento do agora. Eu sei que todos têm ouvido a frase:”O passado está para trás de ti, o futuro ainda não aconteceu, existe apenas o agora”. De facto, esta frase está absolutamente correcta.

Mas tanta gente permanece afectada nesse momento do agora por coisas do passado ou por coisas que ainda não ocorreram no futuro. Consoante viveis a vossa vida, Eu incito-vos a deixardes sempre o vosso foco no momento do agora, vivendo-a de forma plena, vivendo-a de uma forma expandida como sois capazes de o fazer; honrando e respeitando o passado, mas deixando ir tudo o que vos possa estar a prender, olhando para o vosso futuro com antecipação e prazer, mas sem desperdiçardes as coisas que podeis desfrutar neste momento porque estais à espera que o futuro chegue.

Inspirai de forma gentil e fácil. Permiti-vos ancorar aqui neste momento. Enquanto o fazeis, deixai que a vossa consciência mude até que estejais no espaço da grelha magnética. Pode ser que isso seja um espaço de expansão para vós. Mas apara os que conseguem sentir a energia, Eu convido-vos a aproveitardes um momento e sentirdes o que esta energia ou este espaço é para vós.

Quando nós começámos estas jornadas (Abril de 2003), a grelha magnética estava bastante perto da Terra. Era também mais densa e tudo isso era devido, não apenas à consciência colectiva, mas a tudo que o que se estava a passar na Terra tanto como às suas vibrações.

Eu convido-vos a considerardes 2003 e a abrir-vos para sentirdes a percepção que podeis ter do que era então e do que é agora. (Respiração profunda) E inspirai e expirai. Permiti que a vossa atenção se desloque. Existe um espaço de entrelaçamento na grade que vos permite movimentar-vos para o universo e para a grade cristalina. Esta é um tipo totalmente diferente de grade. Consiste nas energias cristalinas e, como tal, não possui a atracção magnética da Terra. Em 2003, quando começámos estas viagens, não era perceptível, as pessoas não conseguiam perceber a grade cristalina. Estava lá como uma estrutura, mas ainda por desenvolver.

Lembrai-vos quando começastes a discernir a grade cristalina e foi como se sentísseis cristais individuais e vos tivésseis misturado com um ou mais desses cristais? (Respiração profunda) Então, agora, à medida que olhais para esta energia expansiva, como tendes o conhecimento dos muitos degraus que vos levam para e através das dimensões, através das mudanças da consciência e para vários aspectos do universo, é bastante profunda a mudança que teve lugar. De novo, Eu admiro-vos e respeito a todos vós porque haveis sido uma parte nesta criação.

Permiti que a vossa atenção se desloque. Desta vez, permiti que as vossas energias se desloquem para o plano da alma. À medida que vos encontrais dentro deste espaço, abri-vos para sentirdes a essência da vossa divindade. Conforme sentis esta essência de quem sois, permiti que a vossa consciência se abra mais ou que o vosso coração se abra de forma a poder-vos ligar com a vossa presença Eu Sou.

À medida que o permitis, uns poderão ter apenas uma vaga sensação de se sentirem bem neste espaço, outros poderão ter uma sensação mais pormenorizada do que a divindade representa para vós. De novo, esta é uma mudança dramática em relação àquela que as pessoas conseguiam perceber em 2003.

Eu, a Deusa, movimento-me entre vós. Enquanto o faço, alcanço e toco cada um de vós. À medida que vos abraço neste momento, abraço tanto o humano que sois como também a vossa divindade. Senti como as energias mudam à medida que nos fundimos e como isso vos permite deslocar-vos para o Tudo O Que É.

Aqui dentro deste espaço está a decorrer uma grande celebração. Sei que tendes estado em muitas celebrações diferentes e que há uma parte vossa que diz “Bem, qual é esta?” Na verdade, é apenas isso, um festejo de uma coisa de um minuto particular ou de tudo no mundo e/ou no universo.

Senti o que esta celebração pode representar para vós. Agora sei que alguns de vós gostariam somente de brincarem neste momento e sois bem-vindos a fazê-lo por quanto tempo o desejardes. Para todos os outros, Eu convido-vos a virdes comigo e sentirdes a vossa vida nos últimos oito anos; podemos arredondar para os 10.

Enquanto estávamos ainda no plano da Terra falávamos sobre o momento do agora, do vosso passado e do vosso futuro. Eu peço-vos para aproveitardes este momento e terdes a sensação da vossa vida a aparecer. Para alguns isto pode ser como se tivésseis um grande ecrã de TV em frente de vós e pusésseis este DVD que é a vossa vida. 

Outros podem ter a sensação de sentimentos e de emoções enquanto se deslocam através de si mesmos. Como quer que seja que isso vos surja, colocardes a intenção de vos ligardes com a vossa vida tal como ela é neste exacto momento permite-vos fazê-lo.

À medida que reflectis sobre a vossa vida, qual é a vossa primeira percepção? Ouço de muitos que parece agora como um salto de trampolim de onde vós haveis estado para onde estais a ir. Ouço de outros que a vossa vida, tal como está neste momento agora, é tudo o que haveis buscado ter. E ouço também ainda de mais pessoas que estão a colocar as suas intenções no que gostariam que a sua vida fosse, embora isso não pareça real para elas.

Vamos ter a sensação de mudardes a vossa atenção por este momento. Trazei à vossa consciência apenas uma coisa que seja importante para vós neste momento, quer que estejais a procurar manifestar quer que gostaríeis de mudar, o que quer que seja.

Agora sabeis como vos sentis neste momento; olhai a partir deste espaço de energia, olhai para o padrão e considerai somente os passados 5, talvez 10 anos, e pedi a informação acerca do que é neste momento e se há algo para verdes, sentirdes, percepcionardes que vos irá dar alguma percepção. Uma coisa que Eu gostaria se salientar é que o fluxo de energia é muito mais fácil e mais suave nesta altura. Podeis, um pouco, tomar como garantido como as vossas percepções mudam depressa e facilmente através destas energias.

Assim, se de forma consciente voltardes para trás, ide para aquele momento ou período de tempo da vossa vida que sentis que vos influencia neste momento. (Uffff) Foi como se Eu pudesse sentir as pessoas e elas caminhassem como se tivessem alcatrão ou algo pegajoso nos seus pés e não os pudessem levantar. As energias parecem densas e pegajosas e isso foi somente há poucos anos atrás. Que depressa que as coisas mudaram e, depois, que depressa as pessoas se esqueceram dos detalhes de como era naquela altura.

Então, aqui estais neste momento do vosso passado. Talvez tenhais a sensação de estardes com outra pessoa ou grupo, talvez tenhais a sensação de vosso próprio eu como uma parte de algo que é ainda maior sem distinguirdes as pessoas. Vejo outros ainda num espaço de isolamento, onde somente eles existem e  não há mais ninguém à volta.

Esta é a vossa oportunidade para trazerdes o conhecimento que tendes hoje, deste momento e com esse conhecimento, enquanto olhais para o que quer que se passe, o que quer que se estivesse a passar convosco, criais então uma mudança. Talvez seja o momento do perdão. Talvez seja o momento de libertardes completamente a energia da situação.

Como quer que seja, deixai-o ir. Respirai profundamente dentro de vós e, então, de forma consciente, deixai que essa energia flua e soltai-a.

Podeis ter já uma percepção de mudança nessas energias. Estou a ouvir de uma pessoa, e é uma ideia maravilhosa, “se soubesses então o que sabes neste momento, o que dirias a ti mesmo?”

Eu convido-vos a dizê-lo neste momento, e a essa parte de vós que estava tão imersa no que quer que fosse. Convidai essa parte a escutar e sentir verdadeiramente. Olhai à volta e, conscientemente, deixai ir essas energias, limpai-as conscientemente; libertai-as. Mais uma vez, deixai que o vosso foco volte para o momento do agora.

Estais aqui em Tudo O Que É, encontrais-vos nesse lugar em que estáveis a ponderar em alguma coisa que é um grande foco na vossa vida. Abri-vos e permiti-vos perceber a transformação que acabou de ter lugar.

Vós libertais e transformais o que quer que estivesse no passado que vos estivesse a reter e, agora, podeis respirar e olhar à volta, estardes neste momento e sentirdes tudo como é neste exacto momento sem terdes esse fardo a atrasar-vos. Inspirai e expirai.

Quantos de vós, conscientemente ou inconscientemente, tendes tido a ideia de que, assim que conseguísseis realizar algo, o que quer que fosse isso, poderíeis então avançar para o próximo passo, como se estivésseis à espera que algo acontecesse para que pudésseis cumprir um sonho, criar uma mudança ou terdes o que estais a procurar ter na vossa vida?

Convido-vos a inspirardes para dentro de vós e depois, conscientemente, expirardes e deixardes ir. Deixai ir essas energias, deixai absolutamente tudo que vos impede de estardes neste momento.

Há alguém que procure manifestar algo há bastante tempo e que ainda não tenha acontecido? Como resultado disso, está criada uma ligação para com o futuro que vos está a prender no limbo no momento do agora visto que isso ainda não aconteceu. (respiração profunda) Inspirai e exalai-o e deixai-o ir.

Deste modo, muitos de vós agarrais isso com ambas as mãos, mesmo que Eu vos convide a largardes porque ainda dizeis, “mas eu quero isso”, claro que está completamente certo, mas talvez devêsseis considerar deixar a energia que tem impedido isso de vir para vós.

Então, respirai neste momento agora mais uma vez e podeis sentir esse fluxo de energia ir do passado, presente, futuro. Respirai tudo isso para o momento do agora e respirai-o ligando-vos com o que quer que seja que estais a procurar ter e deixai-o ir; muito, muito bem.

Eu convido-vos agora a virar-vos na direcção oposta, como se estivésseis olhando para a linha do tempo e estivésseis a olhar para o futuro. Talvez seja uma semana no futuro, um mês, um semestre, um ano, dez anos, o que seja. Conforme permitis que a vossa atenção e a vossa consciência vá para esse espaço, fundi-vos completamente nessas energias.

À medida que olhais em volta, podeis sentir alguma diferença nas energias? Enquanto olhais para a vossa vida, haveis manifestado o que procurais ter? Esta é a oportunidade perfeita para criardes uma alteração, se não está manifestada.

Desta forma, deixai ir o potencial que estais a pisar e, em vez disso, alcançai e chamai a vós um potencial alternativo que abrace, de facto, o que quer que seja que buscais ter.

Assim, aqui estais vós num lugar e estais a criar uma realidade que vos permite sentir plenamente este momento. Senti o que é terdes realizado o que haveis buscado fazer.

Neste momento, há alguma mensagem que gostaríeis de dar a vós próprios que esteja nesse momento do agora, que ainda não tenha chegado até onde estais a dilatar a vossa consciência? Recebei esta mensagem, permiti que ela flua em vós, permiti-vos integrar o que quer que ela possa ser e depois, deixai que a vossa atenção volte para o momento do agora.

Eu tenho que dizer que posso ver uma mudança distinta em cada um de vós, e a minha percepção é que a mudança é um reflexo de: Número 1: compreenderdes que podeis mudar a energia e criar um novo futuro para vós com facilidade. Número 2: haver tanto amor, tanta aceitação que flui para vós a partir desses potenciais ,quer do passado quer do futuro.

Então, enquanto estais neste momento do agora, absorvei esse amor e essa consciência porque estão a vir de vós, para vós. Por último, Eu ouvi, vezes e vezes sem conta, uma mensagem para soltardes a angústia, para soltardes a ansiedade. O que significa isso para vós?

Muito frequentemente, quando as pessoas falam acerca do que procuram manifestar que ainda não chegou, elas centram-se nas coisas que as fazem ansiosas, ou preocupadas, desapontadas. Assim, esta é a vossa oportunidade de removerdes tudo isso. (Ufffff) Removei e soltai. Enquanto o fazeis, olhai à volta sentindo tudo o que está a acontecer.

Sentis-vos a vós mesmos neste momento. Sentis todos os diversos potenciais à medida que eles giram à vossa volta. Eu incito-vos a abrir-vos e a sentirdes o amor e aceitação. Senti-o à medida que flui através de vós, senti como cresce e se magnifica.

Agora, Eu convido-vos a regressardes para a celebração. Consoante vindes aqui para dentro, em particular as energias que trabalharam com a Shelly e comigo ao longo dos últimos oito anos estão aqui convosco. Para referir alguns, Arcanjos Miguel e Rafael, Adama e St. Germain, Quan Yin, Mãe Maria, Maria Madalena, Buda, Krishna, Sananda! A linha alonga-se sem parar. Os Golfinhos, os Senhores dos Raios, e listámos somente alguns destes nomes, porque cada um de vós pode ter a tendência para ser atraído para um deles ou todos eles.

Uma coisa que não esteve aqui nos vossos ajuntamentos, pelo menos de uma forma consciente, foi a energia do Corpo de luz (referindo-se a 2003). E, enquanto todas estas outras essências estão aqui para festejar convosco, a energia do Corpo de Luz, à medida que faz surgir esta percepção nova ou expandida, constitui uma parte significante daquilo para que ides caminhando. Respirai para a vossa consciência; senti a percepção dentro de vós.

Conforme o fazeis, tende a sensação de quão confortáveis estais agora com as energias do Corpo de Luz. Lembrais-vos quando elas apareceram? E enquanto vos sentíeis bastante bem, elas pareciam ainda instáveis e agora a energia parece tão suave e uma parte de uma base com a qual trabalhais.

Esta energia do Corpo de Luz, como representa a energia cristalina, tem a ver com o que acontece à medida que integrais estas vibrações superiores dentro e à vossa volta.

Isto é o que vos auxilia a manifestardes com maior facilidade. Isto é o que vos dá o impulso, conforme procurais avançar na vossa vida. Isto é o que vos ajuda a transformar, a partir da própria estrutura celular da vossa biologia, todo o caminho através do vosso ADN; as vossas veias sanguíneas, os vossos músculos, os vossos órgãos; tudo dentro de vós, o caminho para as vossas emoções, as vossas crenças e o vosso ambiente físico.

Tem havido momentos na vida em que haveis desejado criar uma mudança, talvez o medo, talvez as responsabilidades diárias, talvez simplesmente não saberdes ou não receberdes a mensagem que vos fizesse dar um passo em frente ou um salto para diante. Eu acredito que quase todos o sentiram uma ou outra vez nas suas vidas.

Esta é a vossa oportunidade e em especial com esta energia do Corpo de luz, de integrardes um novo potencial ou uma nova crença. Deixai que seja a crença de que podeis escolher dar esses saltos quântico sem o stress que haveis tido no passado. Podeis integrar o que quer que seja que solicitastes mudar e, ao respirardes a energia do Corpo de Luz, deixando que ela gire dentro de vós e à vossa volta abri-vos para ver como isso transforma tudo.

À medida que olhamos para os próximos 8 a 10 anos, é como se fossem acontecer certas coisas que não haveis percebido. Será como se determinadas coisas possam ainda parecer estar presas sem mudar. Pode ser que haja cada vez mais dimensões disponíveis para vós e que tenhais a capacidade de avançardes através das dimensões com facilidade.

Verdadeiramente, os potenciais disponíveis para todos vós são ilimitados, mas quanto mais vós aceitais e permitis na vossa vida mais vos abris para a transformação.

Eu convido-vos a serdes criativos. Convido-vos a imaginardes o mais abstracto. Convido-vos a procurardes verdadeiramente o que está dentro do vosso coração e a sentirdes o amor, o apoio, a energia que está aqui para vós. Deixai que a energia do Corpo de Luz vos ajude nesta transformação. Inspirai e expirai

.

Bem, saímos pela tangente de uma celebração e, assim, à medida que voltamos atrás com o foco, Eu vejo que uma fila de pessoas se move como se estivesse a dançar. Adoro observar as pessoas enquanto elas falam, riem, dançam, enquanto comem. Sim, mesmo numa consciência expandida as pessoas comem, talvez porque é o que esperam fazer numa festa. (respiração profunda)

Inspirai, senti quem sois à medida que celebrais a vida, à medida que vos celebrais a vós mesmos, à medida que celebrais a Luz da Deusa e o seu oitavo aniversário.

Podeis voar; podeis planar para onde gostaríeis de ir. Podeis recuar e avançar através do tempo com facilidade, e podeis fazê-lo centrando-vos sempre no momento do agora. Ancorando-vos neste momento e permitindo-vos, então, uma consciência abstracta expandida podeis ir para onde gostaríeis de ir, criar qualquer mudança que procureis criar. E inspirai-o e expirai-o com facilidade. 

Como sempre, nós permitimos que esta festa se prolongue quanto possa. Bem, como sabeis, ela nunca termina. Eu convido todos a reunirem-se comigo e a formarem de algum modo um círculo. Hmmm… Eu vejo essa fila como que a serpentear-se à volta e a tornar-se um círculo. Todos os anjos e professores estão aqui como parte deste grupo. Senti como eles vos apoiam e vós a eles.

Dentro do centro está o holograma da Terra. À medida que olhais para ele, podeis ver as muitas dimensões e podeis ver o holograma que vai para a nova Terra, Ariellis, como nós a chamámos. Com tudo o que aqui está, cada um de vós pode escolher o que gostaria de infundir para este holograma.

Eu, a Deusa escolho infundir a essência de viver no momento do agora. É delicioso ver que diversidade é bombeada ou infundida para este holograma. Respirai profundamente e permiti que isso se desloque. Enquanto este holograma absorve a energia do que todos estão a infundir, tende a sensação de o libertardes e ele descer, fluir da grade cristalina para a magnética.

Existe um aspecto que vai para Ariellis e depois o aspecto desce para a Terra física. À medida que ele desce para dentro da Terra física, ancora naqueles imensos cristais e depois irradia para fora a partir dali. Emana através da própria Terra, sobe através da relva, das folhas, das árvores, dos animais; ela vem para vós no vosso eu humano. Permiti que ele suba para dentro de vós e ancorai-o.

Tendes a sensação de deixardes ir tudo e permiti que o vosso foco regresse para dentro deste espaço. Novamente, há alguns que podem escolher ficar aqui por um bocado na festa. Ficai o tempo que quiserdes, aproveitai-o como uma oportunidade de irdes e conversardes com os vossos amigos ou com os anjos e professores que aqui estão. Se não vedes ninguém com quem gostaríeis de falar, convidai-os para se juntarem a vós e eles fá-lo-ão.

Inspirai de modo gentil e fácil e permiti que a vossa atenção se desloque mais uma vez, para que possais voltar para o plano da alma. À medida que estais aqui neste espaço, senti o que ele representa para vós. Senti como a vossa percepção aumentou. Permiti-vos experimentar, não somente tudo o que aqui está, mas todos os diversos potenciais disponíveis.

Eu convido-vos a deixardes que a vossa atenção mude de modo a poderdes fluir na grade cristalina. Podeis ter a sensação de estardes abertos para este fluxo e estas energias e assimilai absolutamente tudo que vos ajuda na vossa vida diária.

Podeis também sentir as vossas energias à medida que elas se deslocam. Enquanto voltais para o plano da Terra, começais a sentir a sua atracção magnética. Consoante o sentis, permiti-vos criar uma mudança ou um equilíbrio que vos permita integrar e deslocar-vos com facilidade.

Convido-vos a deslocar-vos ainda mais. Permiti que a vossa consciência volte mais uma vez para dentro de vós neste momento; vós no vosso corpo físico, vós em todas as situações em que vos podeis encontrar a vós mesmos.

Á medida que deixais que as vossas energias ancorem, tomai-o como uma possibilidade de removerdes mais uma vez as energias do passado, removerdes as energias do futuro e assimilardes que mensagem podeis ou não ter-vos dado.

Deixai que seja integrado interiormente, senti como isso desce para o vosso corpo, movendo-se para as vossas células, para o vosso ADN, os vossos ossos, todas as partes. Senti como flui com facilidade.

Muito bem, então obrigada a todos como sempre por virem e escolherem estar aqui connosco durante estas jornadas. Mais uma vez, enquanto concluímos, eu vos convido a regressardes para Tudo O Que É e a celebrardes.

Celebrai a vida, celebrai onde estivestes, onde estais, para onde estais a ir e trazei tudo isso para o momento do agora. Cada um de vós criou vidas verdadeiramente ímpares e fenomenais na Terra. Eu vos convido a honrardes e respeitardes quem vós sois como indivíduos e a permitirdes que se expanda tudo o que está dentro de vós e à volta.

Eu estou sempre convosco e dentro de vós.

Ansaluia

 

Shelly Dressel a canalizar a Deusa da Criação. Todos os direitos reservados. Convidamo-lo a partilhar esta informação, mas pedimos que não retire nenhum excerto do corpo do texto e que respeite os direitos autorais desta mensagem. Para mais informações, por favor visite o nosso sítio na Web: www.goddesslight.net

Fonte:http://spiritlibrary.com

Tradução: Ana Belo – anatbelo@hotmail.com

Gostou! Indique para seus Amigos.

|Topo da Página|    |Voltar Menu Deusa da Criação|   |Voltar Home|