NÃO ACONTECEU COMO VOCÊS PENSAM...
Uma mensagem de Kryon, canalizada por Lee Carroll
16 de Junho de 2010, Grand Canyon – Arizona

Saudações, meus amados! Eu sou Kryon, do Serviço Magnético.

Eu sempre digo isso. Eu sei onde estou, sei quem está aqui. Eu conheço o evento que isto precede. Sei por que vocês vieram aqui. Conheço a grandiosidade do que está além da borda dos morros. Sei que vim aqui. Todas essas coisas são conhecidas, porque Deus não está em um vácuo. E para aqueles que não estão acostumados com isso, que denominamos canalização, dizemos novamente que é algo que os seres humanos têm feito desde o princípio. E nesse mesmo dia, os mais elevados seres espirituais do planeta, associados a todas as organizações religiosas, contam com isto para sua informação. Podem designá-la de modos diferentes e isso pode acontecer em diferentes câmaras, que podem ser privadas, ou até mesmo secretas, mas eles contam com isso. Podem até mesmo dar-lhe nomes, como o Espírito Santo. Não há nenhuma objeção, porque nós já o dissemos e dizemos novamente, de modo profundo: abençoado é o ser humano que busca a Deus, de qualquer modo.

Ultimamente temos falado sobre Gaia e o profundo relacionamento que a humanidade tem com essa entidade. Mais do que uma entidade, Gaia é um sistema de apoio, um sistema de auxílio que responde à vibração de vocês. Eu não dei indícios ao meu parceiro sobre o que vou falar hoje. Algumas vezes eu lhe dou dicas, mas não desta vez.

Vocês estão cientes de que estão situados no período mais brando da história terrestre? Durou 4 bilhões de anos para preparar este jantar. Há aproximadamente 100.000 anos nós terminamos de prepará-lo. Quando vocês olharem para essa história de 4 bilhões de anos e para essa refeição que ainda estávamos preparando há 100.000 anos, verão que é muitíssimo pouco tempo. Ainda assim, neste espaço de tempo, a humanidade tem descansado no abrigo de um planeta brando, comparado ao que ele era. Está feito.

Não é um mistério, nem um acidente, que toda a humanidade venha agora. Vocês olham para o Canyon. Ele é pacífico, não é? Vocês acomodam-se nesta área e escutam o vento passar pelas árvores, pelos ramos, que são feitos pelos elementos da Terra, cantando para vocês neste momento. Vocês podem sentir o relacionamento com essa Terra suave, não podem? Este é o presente de Gaia à humanidade: mesmo em suas mais poderosas agitações ela é lenta, e os previne sobre o que está por vir; o ciclo das águas vem e vai, e ela os faz saber que ele está aqui, para que vocês possam sair do caminho.

Porque estou contando tudo isto a vocês? Porque quero indicar-lhes novamente o que já dissemos uma vez - o que para nós, na verdade, é cômico: que essa é a realidade em que vocês colocaram a si mesmos. Até os cientistas fazem isto; ainda assim, não estão conscientes disso. Os geólogos são detetives e o que eles fazem é tentar analisar Gaia. Eles tentam imaginar o que aconteceu e vocês os ouvem, dizendo que há controvérsias sobre quanto tempo o Canyon está aqui. Até mesmo os que falam com vocês hoje são cuidadosos ao escolher as palavras e dizem “a teoria é...”; isso indica alguma coisa: eles não sabem! Se vocês os pressionassem, eles concordariam com vocês. Há uma razão: os geólogos em verdade estão discutindo: “isso faz sentido?” Uma grande parte disso, simplesmente, não faz sentido. Eles colocam-se em sua realidade de uma Terra abrandada e, portanto, explicam que tudo o que existe, que vocês vêem, que é maior do que podem enxergar, aconteceu muito lentamente, em muitas gerações do planeta. Basicamente vocês têm uma pequena quantidade de água fazendo um Canyon enorme. Ainda assim, eles disseram a vocês que esta área tinha até 7.000 pés de profundidade. Ainda assim, eles dizem a vocês que esta área estava debaixo d´água. Disseram-lhes que o oceano que vocês chamam de Pacífico ficava logo ali? Não agora.

Eles sabem muito bem que, para que tais coisas aconteçam, deve-se passar um longuíssimo período de tempo, de uma forma suave. Apesar de essa ser sua tendência, não foi brando. Vocês estão acostumados a terremotos fraquíssimos, mas eu gostaria de dizer-lhes que, se pudessem ter estado aqui e observado a alguma distância - não do solo, eu lhes lembro – vocês teriam visto a grandeza das grandezas, algo sobre o que ninguém fala, ninguém sabe, nem imagina.

Deixem-me perguntar uma coisa a vocês: quando observam o talhe rígido de rochas deste tamanho, elas não gritam que uma quantidade enorme de água debaixo de uma pressão tremenda passou por aqui? Isso aconteceu. Isto será algo muito difícil de provar até que comecem alguns estudos sobre diferentes tipos de pressão de água sobre a erosão de rochas. Falamos agora não do tempo de um rio em um estado de semi-estabilidade, mas de estudos sobre pressão de água. Vocês sabiam que nos tempos antigos os mineradores usavam jatos de água para minerar? Debaixo de uma pressão tremenda eles explodiam o seu caminho através do estrato rochoso. Quando eles paravam, parecia um bocado com o Canyon. Então eu lhes digo novamente: quando vocês têm elevações dessa magnitude na superfície da terra, vocês presumem que tenham sido graduais, que levaram um longo tempo para ocorrer e não foi assim. Quando a Terra se move de 500 para 600 pés, 100 metros de uma vez, quando vocês podem ver as diferentes formas de montanhas espalhadas, com seus picos agudos apontando para cima, parece que aconteceu depressa, e foi assim. Nada como vocês têm hoje. Oceanos inteiros entraram e saíram. Deixem-me dizer-lhes do quê o Canyon é o resultado: é o resultado do movimento de uma quantidade tremenda de água de uma só vez, sob uma pressão tremenda. A drenagem de mares de um lugar para outro.

Disseram-lhes que, quando a altitude dessa área mudou significativamente, a água correu para outra direção? Isso vai confundir todos os seus estudos sobre sedimentos, não vai? Porque a suposição é que... vocês sabem que vai somente para uma direção; a tendência é pensar que a Terra é suave e que isso levou um longo tempo, mas não foi suave nem levou um longo tempo. Quando eu digo novamente a quantidade de tempo há risos, qualquer pessoa que ouve esta mensagem e sabe geologia, ri. Qualquer cientista diz que isto é simplesmente loucura.

Se vocês têm um oceano sob pressão, o que acontece? Deixem-me perguntar-lhes: vocês estudaram as cataratas do Niágara? Vocês estão cientes de como elas se moveram em somente 200 anos, cortando um canal com tremenda largura e profundidade, comendo dentro da rocha sólida? Foram somente 200 anos! Por que isso? Porque há muitíssima água. Isso é simplesmente água sob gravidade. Eu estou falando de água sob pressão, sobre um puxão gravitacional de uma altitude a outra - não o chão de um Canyon abrandado - caindo talvez 1.000 pés e várias milhas. Um pequeno mar indo de uma direção a outra e então, de volta novamente. Isso foi o que cortou este Canyon em menos de 500 anos. Vocês podem olhar para isso com olhos diferentes, e quando saírem, dêem uma olhada de novo. Começará a fazer sentido para vocês, e eu lhes digo por quê: vão e prestem atenção ao que é inerente, enquanto pasmam diante desta maravilha que viram acontecer. Validem isso para si próprios. Olhem cuidadosamente, vejam como as águas teriam feito algo como isso. Uma pressão tremenda e uma tremenda quantidade de água, literalmente um mar, indo em uma direção, e de volta novamente, enquanto a altitude varia. Isso surpreende vocês?

Talvez essa seja a linhagem de Kryon: a tolice da explicação do Grande Canyon! Até que algo aconteça e eles encontrem a verdade. A geologia continua a falar e há controvérsia, até mesmo agora; começa a falar por si mesma, porque há aqueles que dizem que é 17 milhões de anos e não seis milhões, com base nos depósitos de urânio e as descobertas de datação de carbono. Eles não sabem.
Olhem para isso de forma diferente, com olhos diferentes. Por que lhes digo isto? porque vocês fazem suposições sobre o que causa essas coisas e quanto tempo elas levam para acontecer; vocês fazem suposições baseadas em sua realidade, vocês decidem coisas por si próprios.
Então, por isso, vou fazer-lhes umas perguntas: de quem é esta realidade? Quem lhes disse o que não podem e o que podem fazer neste tempo de vida? É uma realidade baseada no que vocês viram? Então vocês nunca vão acreditar, visto que essa alteração aconteceu há somente 21 anos. Antes disso, o estado da consciência neste planeta foi o mesmo, por milhares de anos. Essa é a realidade que vocês vêem e é a realidade que lembram, porque está em seu akash; agora, subitamente nós estamos dizendo que a alteração celular é possível, dizemos que vocês podem avançar na parte interna e viver um longo tempo, digo que há coisas evoluindo ao redor de vocês que mudarão tudo o que podem fazer. Vocês podem co-criar a si próprios com mestria e fazer o que somente os mestres que caminharam neste planeta puderam fazer.

Eu sei quem está aqui. Eu sei o que vocês estão tentando curar. Vocês têm a predisposição que diz “não pode ser feito”, porque vocês não podem ver realmente o seu caminho de saída de uma situação na qual a realidade diz “não”, devido a tudo o que aconteceu ou que não aconteceu. Quando falamos de criar uma situação na qual vocês, no meio de uma recessão, podem criar abundância, quem acredita nisto? Bem, há aqueles aqui que fizeram isso. Eles não prosperaram porque eram financeiramente espertos, mas porque eles se ajoelharam naquele estado no qual falam ao seu Eu Superior. Eles começaram a mover as coisas ao seu redor sincronicamente para si mesmos e para os outros, e tudo o que eles tocam ajuda a um semelhante.

Podem escutar a si próprios? Escutem o vento, porque ele está falando com vocês. Escutem Gaia que diz “vocês não sabem o que acontecerá aqui.” Um Canyon criado em menos de 500 anos, quando todo mundo diz que levou um milhão de anos. Como isso ressoa dentro de vocês? O que vocês podem fazer na fração de tempo daqueles que disseram que levaria anos? O que vocês disseram que não podem fazer? O que vocês estão tentando criar? E o que vocês decidiram que não podem criar, seres humanos? Eu sei quem está aqui. Eu conheço aqueles que desistiram. Eu conheço aqueles que disseram “está OK assim como está!” Eu sei quem está aqui. Vocês sairão deste lugar e observarão novamente a grandeza de um mistério e o piscar de olhos do Espírito que deseja sorrir para vocês e dizer “dêem uma olhada no que ninguém jamais pensou que poderia ser possível, porque entenderam erradamente a dimensão da influência de um rio, não de um mar e um oceano.”

O que vocês têm dentro de si mesmos? Uma semente de fé? Eu lhes direi o que é: é um portal que pode se abrir e um oceano cheio de energia a avançar, que pode transformar tudo o que não é apropriado em sua vida e criar uma sincronicidade para que vocês façam coisas que nunca pensaram que poderiam fazer. Essa é a mensagem de Kryon, sempre foi e sempre será.

Eu sei quem está aqui. O fim de algo está para chegar e vocês se preocupam com isso, mas eu sei quem está aqui. Parem. Não pensam que podem criar um outro futuro? Vocês são vítimas ou são os criadores? Dêem uma olhada no Canyon com novos olhos, riam consigo mesmos e dêem uma piscada de volta para Gaia, porque eventualmente o segredo será descoberto. Vocês já o conheciam, não é? Olhem para a imponência, olhem para as formas rígidas esculpidas na natureza, que realizou tudo isso em um espaço de tempo muito pequeno. Oh, vocês deveriam tê-lo visto, mas então novamente, vocês o viram.

E assim é.

Kryon.


Transcrição e tradução do áudio:

 http://www.kryon.com/cartprodimages/download_grandcanyon_10.html   

Tradutores: Marcus Vinícius Pinheiro de Castro - <marcus.brazilianlawy18@gmail.com>

                  Mary de Godoy Moreira <maryzgm@gmail.com>

Gostou! Indique para seus amigos.
 


|Topo da Página| - |Voltar Menu Kryon| |Voltar Home|